Financiamento

Financiamento do Fies 2016

Atualizado em: janeiro 25, 2015

by Fies 2016 on 25 de janeiro de 2015

Financiamento do Fies 2016: Com a proximidade do início do período letivo vários estudantes universitários buscam alternativas para quitar as mensalidades de seus respectivos cursos e hoje a melhor solução é o Fies 2016, Fundo de Financiamento Estudantil que é um programa do Ministério da Educação (MEC) que foi criado com o objetivo de conceder crédito financeiro para estudantes matriculados em instituições privadas de ensino superior.

Um dos atrativos para quem pensa em contratar um financiamento do FIES 2016 é a baixa taxa de juros, menor do que a praticada no mercado, sendo de apenas 3,4% ao ano e também o fato de que o FIES 2016 poder ser solicitado em qualquer período do ano letivo, graças ao seu novo formato em que começou a operar com recursos do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE).

Para ter direito de solicitar o FIES 2016 o estudante universitário deve ter uma renda familiar bruta inferior a 20 salários mínimos, não pode anteriormente ter sido beneficiado com o beneficio do FIES.

Aqueles estudantes que concluíram o ensino médio no ano de 2010 e desejam se inscrever para solicitar o Financiamento Estudantil devem obrigatoriamente realizado as provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Os professores da rede pública de ensino que estiverem matriculados em cursos voltados para a área de licenciatura e que desejam contratar o FIES 2016, estão livres da exigência de ter participado do Enem.

Como solicitar o Financiamento Estudantil

Financiamento do Fies 2016

O primeiro passo para solicitar o financiamento do FIES 2016 e acessar o endereço eletrônico http://sisfiesportal.mec.gov.br/ e realizar a inscrição no Sistema Informatizado do Fies (SisFies). Será necessário informar o número do CPF (Cadastro de Pessoa Física), data de nascimento, um endereço de e-mail válido e cadastrar uma senha para ter acesso ao SisFies.

Após informar os dados pessoais, o estudante interessado no FIES 2016 deve procurar a Comissão Permanente de Supervisão e Acompanhamento (CPSA). Todas as instituições de ensino superior que aceitam o FIES devem constituir a CPSA, que é responsável por validar as informações prestadas pelo candidato no momento em que se inscreve no FIES 2016. Vale lembrar que o candidato tem 10 dias úteis para procurar a CPSA para validar as informações.

Após ter os dados validados pela CPSA e com o Documento de Regularidade de Inscrição (DIR) em mãos, os estudantes devem escolher em qual agência bancária desejam formalizar o contrato do FIES 2016. Atualmente o Fundo trabalha com o Banco do Brasil e a Caixa Econômica Federal. O prazo estabelecido para que o estudante escolha e procure a agência bancária é de 10 dias.

Fies e Prouni: Em 2015 foi estabelecido pelo MEC que o estudante que possui um financiamento estudantil não pode ser bolsista integral do Programa Universidade para Todos (Prouni), isto no caso de estar cursando dois cursos em diferentes instituições de ensino superior. A utilização do Fies em conjunto com o Prouni é permitida apenas nos casos em que o Financiamento for utilizado para complementar a bolsa parcial do Prouni para custear as mensalidades de um mesmo curso.

Em breve traremos mais informações sobre o FIES 2016. Acompanhe!